Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages
Pesquisar

Prevenção é a melhor arma contra o câncer de pele

01/12/2017

Prevenção é a melhor arma contra o câncer de pele

 

O verão é a estação da praia, da piscina e, principalmente, do sol. No entanto, a exposição excessiva e sem proteção é prejudicial ao organismo. Por possuir um efeito cumulativo na pele, ela pode fazer com que as células do órgão se modifiquem. Essa alteração genética gera o câncer de pele. Segundo o Instituto Nacional do Câncer (Inca), esse é o tipo mais comum no Brasil, com 176 mil casos registrados por ano. Por isso, a prevenção e o diagnóstico precoce são essenciais.

 

Com o objetivo de conscientizar a população, no dia 2 de dezembro, o Serviço de Dermatologia do Hospital São Lucas da PUCRS promoverá uma ação especial em celebração ao Dezembro Laranja, que integra a Campanha Nacional de Prevenção do Câncer da Pele 2017 da Sociedade Brasileira de Dermatologia. Nessa data, será realizado um mutirão de atendimento e esclarecimento sobre a doença aberto para a população. A iniciativa ocorrerá nos ambulatórios do HSL(Av. Ipiranga 6690), das 9h às 15h, com a destruição de senhas e é direcionada para moradores de Porto Alegre.

 

São três os principais tipos de câncer de pele. O mais comum, ocorrendo em 70% dos casos, e menos agressivo é o carcinoma basocelular. Ele possui altos índices de cura se diagnosticado e tratado precoce e adequadamente. Na maioria dos casos, não se espalha pelo organismo. Já o carcinoma epidermóide é responsável por cerca de 25% dos casos, é mais agressivo e pode migrar para outras áreas e gânglios se houver demora no início do tratamento.  Assim como o basocelular, está relacionado ao tempo de exposição solar sem proteção e tende a aparecer nas pessoas mais velhas. Por fim, apesar de ser o menos comum, com 5% dos casos, o melanoma é o tipo mais perigoso, pois pode gerar metástases em outros órgãos rapidamente.  Geralmente está relacionado a queimaduras solares. É o responsável por 75% dos casos de morte por câncer de pele.

 

A melhor forma de prevenção é a proteção da pele. É essencial aplicar protetor solar (FPS superior ao fator 30), 30 minutos antes de sair de casa e reaplicar a cada 2 horas, após transpiração excessiva ou depois de ficar muito tempo dentro da água. Outra dica importante é utilizar bonés, camisetas, guarda-sol e óculos escuros quando estiver exposto ao sol. Além disso, evite o sol entre às 10h e 15h, quando as radiações são mais nocivas.

 

Identifique o Câncer de Pele com a Regra ABCDE

(válido, principalmente, para o melanoma) 

 

A – Assimetria – se dividirmos a lesão ao meio, não teremos metades iguais.

B – Borda – bordas regulares, melanomas possuem irregularidades e saliências.

C – Cor – variação na coloração

D – Diâmetro – diâmetro maior a 6mm

E – Evolução – alteração recente (crescimento, elevação)

Publicado em Imprensa do HSL