Mês de conscientização sobre o câncer ósseo

10/07/2019
Em julho, é comemorado o mês de conscientização de câncer ósseo, por isso fique atento aos possíveis sintomas.
Os tumores ósseos representam 1% de todos os cânceres do corpo humano, sendo mais frequentes nas crianças e adultos jovens (entre 5 a 25 anos). Os sintomas mais constantes são dor e o aumento de volume (inchaço) da área afetada. Eles podem se localizar em qualquer osso, mas o osteossarcoma tem uma predileção pelos mais longos como o fêmur (localizado na coxa) e a tíbia (localizado na perna) próximos dos joelhos aonde acontece o nosso maior crescimento dos membros. A etiologia dos tumores ainda é desconhecida, mas acredita-se que possa ter a genética como o principal fator de risco.
O diagnóstico é realizado geralmente em consulta com um especialista (Oncologista Clinico ou Oncologista Ortopédico).
Exames como as Radiografias são essenciais, seguindo-se o estudo com tomografia, ressonância nuclear magnética e cintilografia óssea (mapeamento), visando ao melhor tratamento para cada caso. Já para o diagnóstico do osteossarcoma é realizada uma Biópsia Óssea.
O Tratamento dependerá do diagnóstico: tipo do tumor, tamanho e localização da lesão.
Fique atento a alguns sintomas importante:
  • Criança ou adulto jovem com queixas de dores que não melhoram;
  • Dor noturna mesmo no repouso;
  • Trauma pequeno e dor sem melhora após uma semana; e
  • Dor próxima do joelho com inchaço.

Fonte: Dr Osvaldo Serafini – Ortopedista do HSL

COMPARTILHAR:
Publicado em Imprensa do HSL | Tags: