Pacientes transplantados comemoram o novo rim

10/01/2009

Uma festa de Natal especial marcou nesta segunda-feira (22) uma importante conquista na vida de pacientes que estavam à espera de um novo rim. Uma confraternização organizada no Hospital São Lucas da PUCRS reuniu pacientes que receberam transplante do órgão e que permanecem internados na instituição. Entre os participantes da festa estava Gilberto Sartori, de 50 anos. A espera durou três anos e oito meses: “Sempre acreditei em minha recuperação. Sabia que meu rim iria chegar… e ele chegou”, afirmou. Para aqueles que continuam à espera do transplante, Sartori é enfático:”Ter paciência e valorizar a vida é fundamental”. Para Patrícia Funari, enfermeira da área de Transplante do HSL, este tipo de comemoração é fundamental para o processo. Eles ficam muito tristes. Às vezes, é importante mostrar que a vida pode ser mais feliz, salientou. Na confraternização, o grupo comemorou e cantou ao som do violão tocado por um dos pacientes transplantados.

COMPARTILHAR:
Publicado em Imprensa do HSL